pt

“Um volume branco com os seus limites exteriores oblíquos, definem os vãos da habitação nos dois pisos, e onde em um canto da casa, um envidraçado é direcionado para uma privilegiada vista.

Os pisos da habitação são evidenciados nos diferentes alçados, através de planos que demarcam os dois níveis da habitação, cuja comunicação entre pisos, é feito  através de uma escada de cromática negra, integrada na zona social da habitação, marcando assim uma imponente presença no espaço central e vazado da habitação.
Sombras desenham a obliquidade dos diferentes quadrantes da habitação de cromática branca.”

texto. Sérgio Miguel Godinho.

localização.Odivelas, Portugal
ano. 2019
arquitetura.Sérgio Miguel Godinho
fotografia.Ivo Tavares Studio

en

A white volume with its oblique outer boundaries defines the openings of the dwelling on both floors, and where in one corner of the house a glazing is directed towards a privileged view.

The floors of the housing are evidenced in the different elevations through plans that demarcate the two levels of the housing, the communication between floors is made through a black chromatic ladder, integrated in the social zone of housing, marking an imposing presence in the space.
Shadows draw obliquity of different quadrants of white chromatic housing.”

text. Sérgio Miguel Godinho.

location.
Odivelas, Portugal
year.
2019
architecture.
Sérgio Miguel Godinho
photography.
Ivo Tavares Studio