Ivo Tavares Studio, o fotógrafo de Arquitectura em Portugal

Sou marido, pai de dois traquinas, apaixonado pela arquitectura e tenho o privilégio de fazer aquilo que gosto: fotografar arquitectura.


I am husband, father of two boys, passionate about architecture and I have the privilege of doing what I love: photographing architecture.

Ivo Tavares o Fotógrafo De Arquitectura e a sua familia.


pt
Desde pequeno que me fascina as diversas expressões artísticas principalmente a visual, hoje sou Fotógrafo de arquitectura e formador no Instituto Português de fotografia do Porto, apaixonado pela arquitectura e pelas suas diversas formas de representação e interpretação. A par da fotografia de arquitectura especializei-me em fotografia de hotelaria e interiores.

Fui convidado para palestras e aulas abertas, divido o meu tempo a fotografar, viajar e a aproveitar os pequenos momentos com a família. Criei a plataforma Archmov, pioneira em  vídeo de Arquitectura em Portugal. Hoje tenho projectos de fotografia de arquitectura publicados em diversas plataformas da especialidade, bem como em publicações nacionais e internacionais da área.

en
From an early age, the various artistic expressions fascinate me mainly the visual, today I’m an Architectural photographer and teacher at the Portuguese Institute of Photography of Porto, I am passionate about architecture and its various forms of representation and interpretation. Along with architecture photography I specialized in hotel photography and interiors.

I was invited to lectures and open classes, I divide my time to photograph, to travel and to enjoy the small moments with the family. I created the platform
Archmov, pioneer in video architecture in Portugal. Today I have architectural photography projects published in several platforms of the specialty, as well as in national and international publications of the area.

O que andam a falar sobre o fotógrafo de arquitectura em Portugal e no Mundo.

Ivo Tavares studio , GQ Portugal , fotografia de arquitectura

“Arquitetura em movimento”

Publicado na edição impressa da GQ Portugal n144.