pt
Mercado Municipal de Famalicão do arquitecto Rui Mendes Ribeiro

“Inaugurado a 21 de setembro de 1952, a construção do mercado municipal de Vila Nova de Famalicão teve um duplo objectivo, por um lado o de descongestionar o antigo campo da feira (actual praça D.Maria II) e por outro tornar esse espaço mais agradável e com melhores condições de higiene.
Depois de um período áureo, o mercado apresentava-se à data da intervenção como um espaço obsoleto e sem uma dinâmica capaz de atrair novos e diversificados consumidores.

O edifício principal é constituído por três corpos retangulares, adossados entre si, e um torreão que possui o brasão da cidade e marca a transição entre a praça D. Maria II e a rua capitão Manuel
Carvalho.
A uma cota superior, o acesso ao pátio (Praça) do mercado é feito por duas entradas, a Norte, pela rua capitão Manuel Carvalho e a Poente, pela praça D. Maria II.
O pátio, a uma cota inferior éra apoiado por três edifícios destinados à venda de carne, peixe e fruta.
O volume principal, que em projeto foi mantido e reabilitado, assume em planta a forma de linha quebrada, sendo que a uma cota superior acompanha a frente de rua e os espaços interiores são ocupados por diversos estabelecimentos comerciais (lojas de rua).

A intervenção sobre o Mercado Municipal de Vila Nova de Famalicão visou a sua reabilitação, tendo como premissa a valorização do seu caráter arquitetónico e a melhoria das condições existentes.
Deste modo, além da intervenção sobre o edifício existente, foi construído um novo corpo em estrutura metálica, garantindo a capacidade de atender às necessidades do mercado permanente e cíclico, e ainda permitir a abertura de uma nova frente urbana para a avenida Marechal Humberto Delgado e Praça Mouzinho de Albuquerque.
O revestimento deste novo corpo garante o sombreamento e impermeabilização do espaço e tem como referência o módulo triangular do torreão preexistente, como meio para uma maior integração na envolvente.”

texto. Arquitecto Rui Mendes Ribeiro

localização. Vila Nova de Famalicão,Portugal
ano. 2021
arquitectura. Rui Mendes Ribeiro
fotografia.Ivo Tavares Studio

en
Famalicão Municipal Market by the architect Rui Mendes Ribeiro

“Opened on September 21st of 1952, the construction of the Famalicão Municipal Market had a dual purpose: on one hand to decongest the old fairgrounds (nowadays D. Maria II Square) and on the other hand to make a more pleasant space with better hygienic conditions.
After a golden period, the Market presented itself, at the date of the intervention, as an obsolete space without a dynamic capacity to attract new and diversified consumers.

The main building consists of three contiguous rectangular bodies, with a turret that bears the City’s coat of arms, which marks the transition between D. Maria II Square and Capitão Manuel Carvalho Street.
At a higher elevation, the access to the Market’s courtyard (Square) is made through two entrancesto the North, by the captain Manuel Carvalho Street and to the West, by the D. Maria II Square. The courtyard, at a lower level, was supported by three buildings in which was sold meat, fish and fruit.
The main volume, which was maintained and rehabilitated in the architectural Project, takes form of a broken line in blueprint, but in a higher level it accompanies the street front. The interior spaces are occupied by several commercial establishments (street stores).

The intervention on the Famalicão Municipal Market aimed its rehabilitation, with the premise of enhancing its architectural character and improving the existing conditions.Thus, in addition to the intervention on the existing building, a new metallic structure was built, guaranteeing the ability to meet the needs of the permanent and cyclical Market and still allow the opening of a new urban front to Marechal Humberto Delgado Avenue and Mouzinho de Albuquerque Square.
The coating of this new body guarantees the shading and waterproofing of the space and has as reference the pre-existing triangular module of the turret, which also allows a greater integration in the surroundings.”

text. Rui Mendes Ribeiro Architect

location. Vila Nova de Famalicão,Portugal
year. 2021
architecture. Rui Mendes Ribeiro
photography.Ivo Tavares Studio